Estamos concorrendo ao Prêmio Topo Blog 2013. Vote aqui:

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

ENTREVISTA com: DJ Gustavo Heyek

Por: Giselle Vergna 

PERSONA: Gustavo André Heyek, 18 anos diz: "Não basta discotecar, tem que sentir a vibe da galera, entrar de corpo e alma na música. Assim, automaticamente todo mundo dança com você!" 

Nesta quarta-feira, 18/08, conversei com o Dj Gustavo Heyek (como ficou conhecido no bairro e na noite paulistana). Um garoto muito gente boa e que vem se destacando no cenário cultural da Cidade Tiradentes. Ele começou fazer aulas de Dj na Estação da Juventude Cidade Tiradentes há um ano e meio. Ele já está pronto e discotecando em festas, eventos, shows promovidos pela Prefeitura, e nas casas noturnas mais badaladas de São Paulo, como a Trash's 80 no centro da Capital. Mas ainda frequenta as aulas, agora para ajudar os novos alunos que estão começando.

Como começou a carreira de DJ? Gustavo: Eu sempre gostei muito de rock e música eletrônica, e sempre curti as baladas do gênero. Fiquei pensando se podia curtir as duas baladas numa só. Assim que inaugurou a Estação da Juventude, eu comecei a frequentar, soube que tinha o curso de Dj, me inscrevi e comecei fazer o curso. Descobri então que eu podia discotecar misturando minhas influências musicais e ainda pôr a galera pra dançar...era isso que eu queria!

Ter se tornado um Dj te ajudou a superar alguma dificuldade? Gustavo: Sim! Há um tempo, infelizmente eu me envolvi com companhias inadequadas e consequentemente com  álcool e drogas.  Eu bebia e me drogava durante a noite, e passava o dia de ressaca, sem fazer nada. Estava entrando num poço sem fundo, e me afundando cada vez mais. Assim que passei a frequentar as aulas de Dj, percebi que comecei a ficar mais tempo na Estação da Juventude, deixando as drogas em segundo plano. Comecei a pesquisar, ouvir mais músicas pra completar minha "playlist". Quando vi, já tinha deixado as drogas de lado.

Quais os seus planos daqui pra frente? Pretende continuar nessa carreira? Gustavo: Pretendo continuar sim! Descobri que tenho um talento e quero explorá-lo e desenvolvê-lo o máximo que eu puder. Desejo que o meu trabalho seja reconhecido. Quero me aprimorar e crescer cada vez mais,  pois ser Dj não é apenas operar os aparelhos e colocar o cd para tocar. Tem que conhecer música, ter um bom ouvido musical, ter ritmo, tem que estudar e estar sempre se atualizando. Mais tarde, quero também, me tornar produtor de música eletrônica. 

Esse garoto promete!!!

Assista agora o video do Dj Gustavo feito pelo blog 
Circuito Cultural Cidade Tiradentes:

Quer contratá-lo?

DJ GUSTAVO HEYEK
Contato para shows e eventos:
Fone: 11 2282-1464 ou 11 2285-7739
e-mail: gustavoheyek@bol.com.br
Postar um comentário