Estamos concorrendo ao Prêmio Topo Blog 2013. Vote aqui:

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Post Inaugural

Por Giselle Vergna

Vamos começar, falando um pouquinho sobre este bairro do extremo leste da cidade de São Paulo. Pra ser mais precisa, estamos à 35 quilômetros do marco zero de São Paulo, que é a Praça da Sé. Somos o maior complexo de conjuntos habitacionais da América Latina com cerca de 40 mil unidades habitacionais, sendo que uma parte desses imóveis foram entregues no ano de 1984, pela COHAB, e uma outra parte, entregue pela CDHU, nos anos subsequentes. O bairro foi planejado para funcionar como "dormitório". Tinhamos por aqui na "Fazenda Santa Etelvina" (como eram conhecidas as terras), além de casas e apartamentos rescém construídos, uma grande área de mata atlântica, eucaliptos, nascentes e lagos.
Vieram para cá, então, famílias inscritas em ambos os programas de habitação popular, que foram removidas de áreas de risco dos bairros: Casa Verde, Limão, Vila Prudente, Ipiranga, Vila Formosa, Bixiga e Jabaquara. Desde então o bairro vem sofrendo mudanças radicais na geografia, que perdeu grande parte de suas áreas verdes para dar espaço à mais unidades habitacionais, ruas asfaltadas, escolas, e na última década um grande Hospital. E entre as unidades habitacionais entregues pelo governo e moradias clandestinas, vamos somando uma população de aproximadamente 220 mil pessoas
Mas vamos ao que interessa: CULTURA!
Durante muitos anos, ficamos jogados aqui, esquecidos num cantinho "quase inóspito" da grande metrópole. Mas o fato é que possuímos aqui uma grande diversidade cultural por termos moradores de todas as raças...negros, brancos, indígenas, japoneses, italianos, angolanos, enfim; temos um pequeno mundo dentro da Cidade Tiradentes. Sentimos então, a necessidade de nos expressarmos culturalmente, e assim foram surgindo vários movimentos culturais.
A Cidade Tiradentes vem ganhando muito com a nova administração da Subprefeitura, que notando o forte movimento cultural, principalmente no que se refere à musica que se faz presente no bairro, decidiu juntar o útil ao agradável: Fez sair do papel o projeto: "Casa da Juventude", hoje chamada de "Estação da Juventude", onde os jovens podem contar com várias atividades, dentre elas: Capoeira, Aulas de Inglês, Português, Graffitti, Teatro, Canto, Violão...
Além de fortalecer ainda mais o movimento cultural do bairro, descobrindo novos talentos, muitos jovens deixam de entrar para a criminalidade e passam a frequentar a Estação da Juventude, aproveitando as atividades do local e onde os jovens podem inclusive, contar com alimentação.
Dentro da Estação da Juventude há também o estúdio público onde os músicos do bairro podem gravar seus trabalhos sem gastar nada. -isso mesmo-, as gravações são gratuitas. Basta agendar uma data com os responsáveis no local. Mas sobre isso eu vou falar mais detalhadamente numa outra oportunidade.
É por isso que este blog está nascendo, para unificarmos os polos culturais deste bairro mal visto por quem está de fora mas amado por quem está aqui dentro.
*Divulgar, interagir, entreter, mutiplicar, dividir, somar, informar...tudo isso e muito mais!!!
SEJAM TODOS BEM VINDOS E PARTICIPEM!!!
-Criado então o blog
"CIRCUITO CULTURAL CIDADE TIRADENTES"
Postar um comentário